Pular para o conteúdo principal

Choose Your Language - by Google

Opinião - Polêmica em Cartaz


Como artista, eu achei genial!
A ideia de fazer uma montagem com a Catedral Basílica Menor de Nossa Senhora da Glória em  Maringá sendo atravessada por um raio de luz que se fragmenta num arco-iris, inspirados na capa de um disco "The Dark Side of the Moon" do Pink Floyd para promover a parada gay da cidade.
(Vejam abaixo a comparação entre as duas artes.)


Cartaz de propaganda da Parada Gay
O cartaz da discórdia

The Dark Side of the Moon do Pink Floyd
E sua suposta inspiração
A despeito da genialidade da ideia, os criadores perderam uma ótima oportunidade de sugerir a integração entre dois grandes orgulhos da cidade:

O antigo, imponente a despontar dentre as construções da cidade e o novíssimo orgulho gay que vem se tornando um marco na cultura de Maringá.

Da maneira como foi executado, o trabalho só serviu para promover ainda mais a intolerância e a rivalidade.

A imagem lembra a cena traumática de um ato terrorista onde o ícone de uma cultura é explodido, só que em vez de um avião usaram o arco iris para destroça-lo.

Fizessem tal montagem nos EUA usando o Capitólio no lugar da Catedral e os idealizadores poderiam estar em maus lençóis tendo de se explicar ao FBI e a outras autoridades antiterroristas daquele país.

Mas no Brasil as pessoas acham que tudo podem em nome de suas liberdades individuais, até mesmo sugerir a destruição dos ícones da liberdade alheios.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Economia - O Conto do Vigário

Ninguém sabe ao certo como começou nem a origem do nome. Mas quase todo mundo sabe como funciona o Conto do Vigário. Alguém aparece com a promessa de lucro mirabolante. E tudo o que se tem de fazer é um pequeno investimento para levar uma grande vantagem. O folclore popular conta a história de um vigarista que, há muito tempo, convenceu uma rica família carioca de que seria procurador dos herdeiros do francês que projetou o Cristo Redentor. E vendeu o para os ricaços, prometendo que eles passariam a ter os direitos sobre a visitação da estátua.

Jornalismo - O "X" do Triplex

"- Fala companheiro, Tudo tranquilo?
- Você falou de um esquema...
- Ah, tá. É o seguinte... Sabe a Cooperativa? Então. Eu vou mandar construir um prédio inteiro só pra gente... Isso... pra diretoria... Em Guarujá. Você vai ficar com a cobertura, claro."
...
"É... Ninguém precisa pagar nada. Vou cobrar cota extra dos bancários. Eu dou os papéis de 'cotas' pra vocês, assino uns recibos e, para todos os efeitos, vocês são cooperados. Mas tem que declarar, senão vai sujar... Vou passar as mais baratas, só para constar. Não tem erro."

Economia - O Brasil e a Construção Naval

Em setembro de 1997 o BNDS expediu um relatório que pretendia expor as razões da derrocada da atividade de Construção Naval no país que fez com que caíssemos da 2ª posição no ranking mundial, e 1ª na América Latina, deixando mesmo de figurar entre os 20 países melhor colocados. O conhecimento de tal relatório é de importância fundamental para os que querem entender em que pé nos encontramos agora que retornamos ao cenário mundial e levantamentos indicam que ocupamos a 6ª posição no ranking. 
Porque, apesar de ter sido elaborado há quase 20 anos, o relatório traz informações aplicáveis a atual conjuntura. Entre outras coisas ressalta-se a certeza de que não aprendemos nada com os erros do passado. Continuamos a apostar no protecionismo  e no comprometimento do Estado em prol da incapacidade administrativa dos donos de Estaleiros e Armadores nacionais. Com resultados bastante previsíveis.