Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2011

Choose Your Language - by Google

Propaganda - Censura à Gisele Bündchen

Está começando a ficar perigosa a ingerência do governo nos assuntos relacionados a livre expressão das empresas de marketing e propaganda. Se o caso da Gisele Bündchen fosse um fato isolado, seria apenas mais uma bola fora de um governo que não entende os limites de sua atuação. Mas, se juntarmos este caso à recente tentativa de tirar do ar aos "Pôneis Malditos" da Nissan, o caso toma contornos preocupantes.

Economia - Dinheiro de Mentirinha

"CONSTITUIÇÃO FEDERAL - CAPÍTULO II Das Finanças Públicas - SEÇÃO I - Normas Gerais Art. 164.  A competência da União para emitir moeda será exercida exclusivamente pelo Banco Central."O Real cada vez mais se destaca no cenário mundial como uma moeda forte, sendo usado até como opção de câmbio confiável na economia formal de vários países, notadamente na América Latina. Na contramão desta notável valorização de nossa moeda, governos estaduais e suas prefeituras tem estimulado uma equivocada política social que pretende substituir a circulação do Real pela de papéis sem nenhum valor monetário dentro de "comunidades" fechadas pelo arbítrio dos governantes, que aparentemente insistem em não reconhecer a inserção dos moradores de nichos específicos nas grandes comunidades que governam, que são seus Estados e cidades como um todo indistinto.

Filosofia - O Professor, por Bertrand Russel

"Os dogmatistas do mundo inteiro acreditam que, embora eles próprios conheçam a verdade, os outros serão levados a crenças falsas, se lhes for permitido ouvir os argumentos apresentados por ambas as partes. Esta é uma opinião que conduz a um ou outro destes dois infortúnios: ou um grupo de dogmatistas conquista o mundo e proíbe todas as idéias novas, ou, o que é pior, os dogmatistas rivais conquistam regiões diferentes e pregam o evangelho do ódio contra o outro grupo. O primeiro deste males existiu durante a Idade Média; o último, durante as guerras religiosas e, novamente, em nossos dias. O primeiro torna a civilização estática; o segundo tende a destruí-la completamente. Contra ambos, o professor deve ser a principal salvaguarda. (...)